Menu
Festa Espaço
0 03.07.2017
Como escolher o espaço ideal para o seu casamento?

Planejar uma festa de casamento requer muitos cuidados, planejamento e uma certa malícia.
Escolher um espaço para realizar seu sonho, vai além da decoração ou ofertas concedidas. É preciso analisar minuciosamente cada detalhe que muitas vezes você só descobre quando faltam poucos dias para a festa.

Conforto, logística, estacionamento e segurança são alguns dos fatores que você deve levar em consideração (e muita).
Seja uma recepção mais íntima ou tradicional, o importante é definir a quantidade de convidados. Esse é o primeiro passo na tomada de decisão do local. Um lugar que comporte uma festa de 500 pessoas, certamente não ficará “bonito” para receber 150 pessoas. O mesmo vale para uma festa de 300 pessoas onde cabem 150. O salão deve ser adequado, nem maior, nem menor.

Outro ponto muito importante, é a localização do espaço. Atualmente, os noivos estão optando por locais de fácil acesso, que não concentrem muito trânsito e que seja relativamente perto da cerimônia religiosa. Atente-se se a casa oferece serviço de vallet ou se possui estacionamento a poucos metros do local. Imagine seus convidados procurando vaga por mais de 15 minutos? O suficiente para deixá-lo incomodado.
PS: se fosse meu marido ficaria irritado e iria embora, rs.

A segurança também deve ser levada em consideração nos dias de hoje. Se o local escolhido for “ermo”, considere contratar seguranças extras para ficar na porta do local e na rua em pontos específicos.


Espaço Lis 343


Infinitto

Você amou o local, viu referências com decorações maravilhosas, o número de convidados é ideal, mas e as instalações/infraestrutura como ar-condicionado, gerador, saída de emergência, extintores em dia, equipe, gastronomia própria... você já se deu conta disso? É preciso ter atenção em cada detalhe, pois após assinar o contrato dificilmente você poderá argumentar sem gastar com extras.

Vai ter DJ ou Banda na sua festa? Então saiba mais sobre a taxa do ECAD!

O Ecad é o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição, uma instituição privada, sem fins lucrativos, criada pela lei 5.988/73 e mantida pela Lei Federal 9.610/98 e 12.853/13. Esta instituição tem o objetivo de cuidar da arrecadação e distribuição (como diz o nome) dos direitos autorais em situações chamadas de “execução pública musical”. Essa definição é super abrangente e inclui não apenas casamentos, como a música tocada em bares e restaurantes, cinemas, supermercados, shoppings, estabelecimentos comerciais, hotéis, boates, academias, teatro, rádio e televisão, internet e eventos sociais em geral. O ECAD existe justamente para arrecadar os impostos devidos para remunerar os compositores, músicos e demais profissionais da indústria pelos direitos autorais de seu trabalho. Então, para qualquer evento no qual você pretenda tocar música, é importante o pagamento dos direitos autorais ao ECAD, o órgão responsável por essa arrecadação. Dessa forma, para que você toque música em sua festa de casamento, a casa de festa precisa ter a autorização do ECAD, mediante o pagamento deste imposto. Isto é, mais um gasto com casamento. A cobrança deste imposto só é válida quando você fizer uma festa em um estabelecimento comercial, ou seja, um lugar com CNPJ!

Uma grande vantagem sobre locais de casamento, é quando o local já possui mobiliário próprio, como mesas e cadeiras. Caso não tenha, considere esse custo no seu orçamento. Toalhas, sousplats e talheres sofisticados, geralmente são cobrados a parte na decoração.


Afrikan House



Casa Aragon

Bom, mas nem só de decoração se faz uma festa, certo? O espaço ideal é aquele que também possibilita uma ambientação diferente a cada festa e que possa ser adaptado ao seu sonho. Imagine seu grande dia completamente “engessado”. Não dá!
Dica: alinhe seu projeto com a versatilidade do espaço de preferência com seu decorador junto. Ter a planta do local é outro fator importante.

Atente-se ao horário de funcionamento do espaço escolhido. Alinhe o horário da cerimônia religiosa na igreja com todo o cronograma da recepção. Caso a cerimônia seja no local da festa, veja no contrato o tempo estipulado entre os dois acontecimentos. Ah, todo local cobra hora extra. Passou do tempo estipulado em contrato, os noivos pagam uma taxa que pode variar de acordo com cada espaço. Algumas chegam a cobrar 10% do valor total da festa.

O mês do casamento também pode influenciar na sua escolha. Se seu sonho é casar-se ao ar livre por exemplo, os meses que contam com “horário de verão” são bem apropriados. Não arrisque em realizar sua cerimônia em local descoberto sem um apoio de cobertura. Agora, se você não suporta o frio, esqueça os meses de junho, julho e agosto.


Fazenda das Cabras


Palácio dos Cedros

Pisos, teto, janelas. Parece bobeira, mas olhe tudo. Um piso bacana faz muita diferença no conjunto da obra. Já vi casos onde o espaço tinha o piso bem detonado deixando o local “feio”. Visite os banheiros, cozinha e salas de staff.


Iulia Eventos



Iulia Eventos

Minha dica: após visitar os locais (vá em pelo menos três diferentes), com as propostas em mãos, organize uma planilha com valores, prós e contras de cada um. Claro que isso é apenas uma sugestão, mas o local ideal é aquele que tem “a cara de vocês” e claro, que caiba no orçamento.

Beijos,
Beta.

Voltar ao topo